Geoff Keighley diz que “E3 se matou” e não foi culpa do Summer Game Fest

E3 2022

O produtor do Summer Game Fest, Geoff Keighley, negou que foi parcialmente responsável pelo cancelamento da E3 deste ano.

Keighley começou o Summer Game Fest em 2020 depois de se separar da E3, onde anteriormente realizava seus eventos ao vivo no Coliseum. Na época, ele citou estar “desconfortável” com os planos da organizadora ESA para a E3.

Em uma entrevista no VGC Podcast, Keighley foi questionado sobre como ele se sentia sobre sua reputação em alguns cantos da internet como “o assassino da E3”.

“Acho que a E3 meio que se matou de certa forma”, respondeu Keighley. “Eu entendo porque as pessoas dizem [que o SGF matou a E3], mas acho que criamos o Summer Game Fest e eu construí o Summer Game Fest porque vi as rodas caindo do vagão da E3”.

“Como alguém que ama essa época do ano… por duas décadas, a E3 fez parte da minha vida desde que eu era um garoto de 15 anos. [Desde] a primeira E3 em 1995, fui a todos os shows. Adorei e definiu o meu verão”. Ele acrescentou: “foi tão emocionante para mim e foi doloroso ver que começou a desmoronar. Acho que eles tiveram um problema de relevância e também tiveram um problema de participação nos últimos anos”.

“Então, sim, acho que a pergunta é: se não fizéssemos o Summer Game Fest, o que aconteceria? Acho que as coisas teriam realmente se estilhaçado neste verão”, conclui.

Após semanas de especulação, a E3 2023 foi oficialmente cancelada em março, com seu novo organizador ReedPop (a empresa por trás da PAX) alegando que “simplesmente não atraiu o interesse sustentado necessário para executá-la de uma forma que mostrasse o tamanho, força, e impacto da indústria”.

cassino online Netbet