A Sony Interactive Entertainment patenteou com sucesso a mecânica de construção de caminhos existente em Death Stranding (via VGC).

A patente, que foi registrada quatro meses antes do jogo originalmente lançado no PS4 e concedida apenas nesta semana, é batizada de “radar de terreno e construção gradual de uma rota em um ambiente virtual de um videogame”.

Ela protege um dos recursos mais interessantes do jogo, em que os caminhos podem ser melhorados dependendo de quantos jogadores os usaram anteriormente. A patente se refere a “melhorar o primeiro caminho com base em um número de vezes que o primeiro caminho foi percorrido por […] um ou mais personagens”.

Isso parece descrever características semelhantes vistas em Death Stranding, onde os jogadores podem fazer caminhos, construir pontes e deixar itens para outros jogadores que visitarão as mesmas áreas no futuro, mesmo que o jogo de cada jogador seja uma experiência separada.

Agora que a patente foi concedida, isso pode tornar difícil para outros desenvolvedores usarem sistemas semelhantes em seus próprios jogos sem que a Sony tome medidas legais.