A Sony respondeu pela primeira vez à aquisição da Activision Blizzard pela Microsoft e disse que espera que os jogos permaneçam multiplataforma devido a “acordos contratuais” (via VGC).

“Esperamos que a Microsoft cumpra os acordos contratuais e continue a garantir que os jogos da Activision sejam multiplataforma”, disse um porta-voz da Sony (via WSJ).

A Activision tem um contrato de exclusividade de conteúdo de longa data com a PlayStation para a série Call of Duty, e é a isso que a Sony pode estar se referindo em sua última declaração. Esses acordos provavelmente cobrem vários anos.

Após a aquisição da Bethesda no ano passado, a Microsoft honrou acordos de exclusividade para Deathloop e o futuro Ghostwire Tokyo.

Da mesma forma, a Activision Blizzard disse que não tem intenção de remover os jogos existentes de outras plataformas depois de ser adquirida pela Microsoft.

Em um FAQ de funcionários arquivado na Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (via VGC), a Activision descreveu como a transação afetará os acordos de parceiros existentes, como aqueles com a Sony, Google e Apple, fabricante do PlayStation.

“Vamos honrar todos os compromissos existentes após o fechamento”, disse. “Assim como na aquisição do Minecraft pela Microsoft, não temos intenção de remover nenhum conteúdo das plataformas onde existe hoje”.