A SEGA indicou que abandonará seus planos de explorar NFTs se perceber que se trata de um esquema de “simples obtenção de dinheiro”, em vez de algo que pode cativar os usuários (via VGC).

Muitas empresas de jogos já começaram a vender itens digitais via NFTs, como Ubisoft e a Konami, enquanto que outras, incluindo a Square Enix, expressaram entusiasmo pela tendência tecnológica.

No entanto, as empresas têm atraído críticas devido ao fator ambiental do formato NFT e o que muitos consideram uma implementação cínica.

No ano passado, a SEGA indicou que também pretendia começar a vender NFTs por meio de uma postagem na mídia social japonesa.

Porém, em sua última reunião de gerenciamento, o CEO da SEGA, Haruki Satomi, reconheceu a atual negatividade em torno do cenário NFT e indicou que estaria disposto a voltar atrás nos planos de criar os próprios NFTs da SEGA.