Um registro de uma nova patente nos EUA foi descoberta por Shaun no Twitter (confira a patente aqui). O seu conteúdo é voltado à retrocompatibilidade no PS5.

A descrição da patente abre uma discussão de que, teoricamente, ao mencionar “Spoof Clock” e “Fine Grain Frequency Control” (além do ponto onde diz Claim 11), seria possível rodar via retrocompatibilidade os jogos de PS1, PS2, PS3, PSP e PS Vita no PS4 e PS5. Isso também está sendo discutido de que seria uma possível solução para o Spartacus.

No entanto, no fim, é apenas uma confusão generalizada. Como várias pessoas explicam no ResetEra, trata-se apenas de uma extensão da patente da retrocompatibilidade do PS5 com o PS4. Não há nenhuma novidade no assunto, sendo que diversas outras patentes similares já foram registradas no passado com propostas similares.