Electronic Arts demite mais de 200 testers de Apex Legends

Apex Legends: Eclipse

A Electronic Arts demitiu toda a equipe de testes de garantia de qualidade em seu escritório de Baton Rouge, Louisiana, nesta terça-feira (28), que normalmente trabalha com Apex Legends.

Isso é de acordo com três fontes do Kotaku (via VGC), que disseram que mais de 200 contratados receberam a notícia durante uma reunião obrigatória não programada via Zoom.

Alega-se que os funcionários afetados, que trabalharam principalmente em Apex Legends, receberão 60 dias de indenização, o que é menos do que a duração de muitos de seus contratos.

“Testar jogos é parte integrante de oferecer as melhores experiências para nossos jogadores”, disse um porta-voz da EA ao Kotaku por e-mail. “Como parte de nossa estratégia global contínua, estamos expandindo a distribuição de nossa equipe de testes de Apex Legends e encerrando a execução que estava concentrada em Baton Rouge, Louisiana, impactando os serviços prestados por nosso provedor terceirizado”.

“Nossa equipe global, incluindo playtesters remotos nos EUA, nos permite aumentar as horas semanais em que podemos testar e otimizar o jogo e reflete um compromisso de entender e atender melhor nossa crescente comunidade em todo o mundo”, esclarece a EA.

cassino online Netbet