A interface do PlayStation 5 é um tanto quanto diferente do que vínhamos acompanhando em gerações anteriores. Ainda que não esteja tão funcional quanto bonita, algumas novidades já ganharam destaque à primeira vista.

O sistema de cartões foi implementado na nova interface graças ao sucesso de jogos single player e de usuários do PlayStation gastarem cada vez mais tempo nesse formato, como foi revelado pelo site Vice após um documento vazado da Sony. A ideia é definir para o usuário atividades que ele pode fazer em cada jogo e de acordo com o tempo disponível do mesmo.

Os cartões de atividade são uma ferramenta para que o jogador possa decidir se vai aproveitar uma missão secundária de 5 minutos em Marvel’s Spider-Man: Miles Morales ou se aventurar numa missão principal de pelo menos 45 minutos. A intenção é de que a pessoa não precise necessariamente reservar 2 ou 3 horas para aproveitar seu PS5, mas que posso dispor de alguns minutos e jogar algo dentro desse tempo.

Isso ajuda o jogador a se manter mais frequente no jogo, mesmo que por pouco tempo de cada vez, e não se distanciando tanto do título e se esquecendo do que jogou pela última vez. Outro fator é encorajar o jogador que fica mais offline a ter algo para acompanhar enquanto foge de spoilers em redes sociais e em vídeos.