AnálisesPS3

Sleeping Dogs

Análise

NOME: Sleeping Dogs
FABRICANTE: United Front Games / Square Enix London Studios
PLATAFORMA: ps3
GENERO: Ação / Aventura / Sandbox
DISTRIBUIDORA: Square Enix


LANÇAMENTOS
17/08/2012 17/08/2012 27/09/2012


INFORMAÇÕES ADICIONAIS E SUPORTE
Definição: 720p

Downloadable Content (DLC)

Nº de Jogadores: 1

Troféus

Espaço Mínimo no HDD: 4,6 GB


Certos jogos definem alguns gêneros. Street Fighter II determinou elementos importantes nos games de luta, enquanto que Super Mario Bros. definiu os jogos de plataforma. Dado esses fatos, é correto afirmar que a série Grand Theft Auto criou elementos do gênero sandbox/mundo aberto que diversos jogos se aproveitam. Sleeping Dogs é um deles. Além de GTA, podemos citar um sistema de combate muito parecido com Batman: Arkham Asylum/City. Mas essas características “chupadas” fazem dele apenas um clone de GTA ou de Batman? Não, Sleeping Dogs é único.

Em Sleeping Dogs, você controla o policial Wei Shen. Ele está infiltrado na máfia de Hong Kong. Portanto, você age tanto como um policial, quanto um mafioso. Existem missões para os dois casos.

Por ser um mundo aberto, Sleeping Dogs é baseado no sistema de missões. Existem as principais, assim como diversas side-quests bastante variadas – desde corridas ilegais até lutas com as gangues de rua. Aqui você nota os elementos de GTA, como o celular para conversar com as pessoas e até a possibilidade de roubar qualquer carro ou moto que você desejar. Outro elemento é a rádio nos carros, com uma diversidade significativa.

Mas Sleeping Dogs vai além da fórmula básica de GTA. Existem cenas de tiroteio com efeitos de “bullet time” que lembram Max Payne, “parkour” que lembra Assassin's Creed (segure X, ao invés de R1, para subir, correr e pular), inúmeras cenas de diálogo contando a história do game e, finalmente, os combates parecidos com Batman, mas com a adição do ambiente. O ambiente que o combate acontece é bastante importante – você pode agarrar (com bola – triângulo é contra-ataque, quadrado é ataque) o adversário e levá-lo para onde desejar. Chegando numa lata de lixo, por exemplo, você pode jogar o inimigo dentro. Chegue num aquário e destrua ele com a cabeça do oponente. As possibilidades são diversas. Mas não são todos inimigos que permitem ser agarrados, obviamente.

O combate é o ponto mais divertido do jogo, de longe. Além de golpes físicos, objetos e armas brancas podem ser usados, assim como armas de fogo. Você evoluirá seu personagem conforme completa as missões e, assim, evolui as estatísticas dele, como resistência a certos tipos de golpes, por exemplo. Para aprender novos golpes, basta coletar certas estátuas espalhadas por Hong Kong.

Sleeping Dogs é incrivelmente variado. Todas missões são diferentes umas das outras. É difícil não comentá-las sem estragar a sua surpresa, mas você verá que sempre fará algo novo – seja algo pequeno como hackear uma câmera de segurança ou pular de um carro em movimento, em outro, para tomar conta do veículo.

Há tanta variedade que existem coisas que são praticamente reais. Darei um exemplo para explicar: em um determinado momento do jogo, você pode marcar encontros com garotas que conheceu. Marquei com uma morena que encontrei em um clube de karaoke (“hostess” mesmo). Saí e tudo mais. Depois, fui cafajeste e saí com uma loira. Pouco tempo depois, surgiu uma quest que a morena estava me traindo. Ao completar a quest, a morena me disse que estava traindo porque me viu traindo. Com isso, surgiu a dúvida: isso realmente teria acontecido se eu tivesse saído com a loira?

Sleeping Dogs possui alguns pontos negativos como a sua longevidade (a campanha não é muito longa), os personagens parecem mecânicos demais nas cutscenes e a história é pouco envolvente. Quanto à história, você prende sua atenção em alguns momentos – como na ação que acontece em um certo casamento. Mas de resto, é muito “blábláblá” que você vai ignorar.

Vale lembrar que Sleeping Dogs não possui modo online. Porém, existe uma “rede social” que compartilha suas estatísticas com os amigos. No fim, apenas um bônus pouco interessante que você não se importará.

Sleeping Dogs é excelente. Com tantos jogos bons saindo em 2012, é difícil ele ganhar algum prêmio, mas acredite: será fácil um concorrente a melhor game do ano. Jogue e comprove, você não vai se arrepender e se perguntará como a Activision desistiu de publicar o título e deu os direitos à Square Enix.



— Resumo —


+
Combate


+
Missões variadas


+
Gameplay no geral


+
Mundo aberto convincente





Longevidade





Personagens “mecânicos” nas cutscenes





Enredo fraco em muitos momentos

90%