Mais de 20 funcionários da Activision Blizzard foram demitidos desde que as alegações de assédio vieram à tona, de acordo com Frances Townsend, vice-presidente executiva da Activision Blizzard para assuntos corporativos. Além disso, mais de 20 outros enfrentaram “outros tipos de ação disciplinar”.

Os anúncios da Activision Blizzard vieram como parte de uma atualização maior na qual Townsend descreveu a resposta da companhia às várias alegações que perseguem a empresa nos últimos meses. Eles incluem adicionar mais três cargos à equipe de Ética e Conformidade da empresa, com mais 19 planejados para o futuro. A Activision Blizzard também afirma que “triplicará” seu investimento em recursos de treinamento.

Não está claro se a lista da Activision Blizzard inclui os veteranos da Blizzard, Luis Barriga, Jesse McCree e Jonathan LeCraft, que foram demitidos da empresa em agosto.