George Cacioppo, um vice-presidente sênior da Sony Interactive Entertainment que trabalhava em engenharia e na PlayStation Store desde 2013, foi demitido de seu cargo depois de supostamente ter aparecido no fim de semana em um vídeo de uma armação de pedofilia (via Kotaku).

‘People v. Preds’, um grupo de vigilantes que tenta capturar e divulgar homens supostamente envolvidos com pedofilia, postou um vídeo neste fim de semana após alegar que eles haviam se passado por um menino de 15 anos e feito contato online com Cacioppo, que então convidou eles para sua casa para sexo.

People v. Preds afirma que conversaram com o homem que alegam ser Cacioppo – que usava o pseudônimo ‘Jeff’ – no site de namoro Grindr e, após conversas, concordaram em se encontrar na casa dele. O vídeo começa com um membro do grupo se aproximando de uma casa e cumprimentando um homem chamado Jeff, que abre a porta vestindo uma camiseta do PS5, antes de ter a porta fechada em seus rostos após revelar o propósito da filmagem.

Embora o vídeo por si só não mostre nenhum crime sendo cometido e não possa confirmar a identidade de Cacioppo, People v. Preds também postou uma série de capturas de tela que detalham os preparativos para o encontro, que incluem uma suposta selfie de Cacioppo vestindo a mesma camisa que Jeff está usando no vídeo.

A CNET agora relata que o vice-presidente sênior foi demitido, com um representante da Sony dizendo em um comunicado “estamos cientes da situação e o funcionário em questão foi despedido”.