É inegável que o lançamento de Outriders foi marcado por uma série de pequenos problemas. Entre servidores instáveis e bugs, vários jogadores acabaram sofrendo com problemas técnicos, o que acabou escondendo uma das principais verdades sobre o jogo: Outriders é uma experiência cooperativa muito divertida.

Enquanto a equipe da People Can Fly se focava em resolver os problemas técnicos, algumas outras reclamações foram surgindo pela comunidade, como a falta de conteúdo no endgame ou um propósito geral para continuar jogando Outriders após terminar a campanha.

Mesmo não se tratando de um “jogo de serviço”, a PCF ouviu os anseios dos fãs e, com isso, um enorme update chegará em breve à Outriders. Chamado de New Horizons, seu principal objetivo é reformular o sistema de Expedições do jogo, adicionar mais conteúdo e melhorar ainda mais a experiência tanto para fãs quanto para novos jogadores. Nós tivemos a oportunidade de testar um pouco desse novo conteúdo via streaming e saímos com uma boa impressão do que chegará ao jogo.

Outriders: New Horizons

Uma coisa fica clara desde o começo. A PCF não está mudando a sua decisão de que Outriders é um jogo co-op online e só. New Horizons não marca o começo de uma nova “temporada” ou algo similar ao que se tornou tão comum hoje em dia desde que Destiny mudou a forma como jogos do gênero funcionam.

A ideia é realmente aprimorar a experiência ao jogo, com New Horizons sendo voltado mais para melhorar elementos que estavam aquém do necessário no lançamento do que propriamente expandir a experiência. Com isso, boa parte das principais adições da atualização, que será totalmente gratuita, focou nas chamadas “melhorias de qualidade de vida”.

Isso significa que não só teremos vários consertos de bugs e ajustes de balanceamento, mas haverão melhorias significativas às taxas de drop de itens lendários, mudanças nas habilidades e na árvore de habilidades em si. Todas elas são bem-vindas, mas o destaque da atualização fica por conta do novo sistema de Transmog e a completa reimaginação das Expedições.

Outriders: New Horizons

Transmog, ou a possibilidade de alterar o visual de um equipamento sem perder as características deles, é uma das principais adições feitas pela PCF. Os jogadores poderão modificar a aparência dos seus equipamentos como bem entenderem, bastando ter adquirido, em algum momento, o equipamento com o visual que ele deseja.

Não há necessidade de destruir o equipamento com o visual desejado, não há gasto de qualquer tipo de moeda in-game ou limitações de quantas vezes você poderá modificar a aparência do equipamento. Você simplesmente poderá abrir o menu de equipamentos e alterar o visual da arma para aquela que você quiser e então partir em expedições mostrando toda a sua personalidade e estilo.

É claro, o visual mais importante não é o das armas comuns que você encontra por aí, mas a aparência única das armas lendárias. Originalmente, o drop rate dessas armas era bem baixo em Outriders, com a melhor forma de adquiri-las sendo como recompensas das Expedições ou comprando com o Thiago em troca de recursos adquiridos ao completar Expedições. O problema era que as recompensas das Expedições eram atreladas ao tempo de conclusão, que eram bem punitivos e te exigiam runs perfeitas para conseguir uma chance de ter o item desejado. Agora, isso tudo será reformulado.

Outriders: New Horizons

Com o lançamento de New Horizons, o sistema de tempo passa a ser opcional e deixa de estar atrelado às recompensas. Eles agora serão dados com base na dificuldade e performance do jogador nas Expedições, tornando-o um sistema muito mais equilibrado e recompensador. As Expedições ainda são desafiadoras, mas não precisar lutar contra um relógio além das hordas de inimigos torna tudo muito mais divertido.

Um outro ajuste feito também tem relação com o vendedor Thiago. Agora, não só haverá uma rotação diária de itens disponíveis na loja, como o jogador poderá gastar recursos para fazer um re-roll e mudar completamente o acervo disponível ali caso o item desejado não apareça. Ainda há uma chance de você não conseguir o que quer, mas caso já tenha todos os itens disponíveis na loja, algo novo poderá surgir assim.

É claro, nem só de reajustes viverá New Horizons, já que a atualização também trará 4 novas Expedições para o jogador enfrentar: The Molten Depths, The City of Nomads, The Marshal’s Complex e The Wellspring. Todas elas são mais desafiadoras do que todas as que já estavam presentes no jogo originalmente e são bem divertidas de se jogar e bem desafiadoras, o que deve tornar vencê-las um bom motivador para que os jogadores voltem ao grind de loot lendário.

Outriders: New Horizons

No geral, New Horizons é uma atualização muito bem-vinda, trazendo ajustes a um jogo que já era bastante divertido. Os desenvolvedores seguem mantendo que o jogo não terá atualizações constantes, temporadas e coisas do tipo, mas é inegável que a estrutura que já era muito boa ficará ainda melhor com essa nova atualização.

Não ficou muito claro o que futuro reserva para Outriders ou para a PCF, visto que eles não foram muito claros sobre possíveis DLCs pagos no futuro ou novas atualizações. Dito isso, New Horizons deixou aquele gostinho de quero mais e o questionamento sobre um retorno mais substancial para Enoch.

Outriders: New Horizons

No entanto, tivemos a revelação de Worldslayer, que é classificada como uma expansão (trailer abaixo junto com a atualização New Horizons). Além do teaser, não há mais detalhes sobre o que essa expansão oferecerá.

Outriders: New Horizons estará disponível amanhã, 16 de novembro, de forma gratuita. A expansão Worldslayer ainda não possui uma data de lançamento.