O texto abaixo foi publicado no site oficial do jogo.


Olá! Sejam bem-vindos à última Atualização Trimestral de Diablo IV do ano.

Esperamos que tenham gostado da publicação de outubro sobre o design de som, as faixas de ambientação e um pouco dos bastidores da criação dos sons do jogo.

Desde nossa última publicação, trabalhamos muito para adicionar novos conteúdos e sistemas ao jogo. Fizemos grandes avanços, com cada versão do jogo contando com uma série de conteúdos expandidos, arte nova, alterações de balanceamento e outras modificações. A equipe está atualmente testando uma versão interna do jogo que representa um marco significativo. Isso significa que temos muito para compartilhar com vocês hoje, então vamos lá.

Primeiramente, o Líder de Design de Sistemas Joe Piepiora falará sobre elementos-chave do sistema de itens. Isso inclui o retorno do avanço de habilidades em itens, uma nova forma de interagir com poderes lendários e um pouco do trabalho inicial sobre a busca de itens específicos. Em seguida, pegue um refresco e sente-se em uma cadeira confortável para a apresentação do novo sistema de progressão de personagem na fase final de jogo: o Quadro de Excelência.

Depois, o Artista Líder de Efeitos Visuais Daniel Briggs descreverá a filosofia que permite que nossa talentosa equipe de efeitos visuais crie grandes explosões e efeitos de habilidade impressionantes mantendo a clareza e compreensão do jogo, mesmo quando há vários jogadores e monstros na tela ao mesmo tempo. Ele também falará em detalhes sobre como a nova engine de jogo de Diablo IV permitiu tornar o combate quadro a quadro mais preciso e detalhado, além de aprimorar os efeitos para aproveitar o novo sistema de iluminação. Por fim, admire uma infinidade de habilidades de todas as quatro classes anunciadas que mostram nosso sistema de mortes baseadas em habilidades.

Espero que gostem desta atualização. Mal podemos esperar para ver suas reações e opiniões. Voltaremos no próximo ano e seguimos agradecendo a companhia de vocês nesta jornada.

– Joe Shely,
Diretor de Jogo, Diablo IV


OS ITENS DE DIABLO IV

Saudações, heróis de Santuário!

Estamos entusiasmados para mais uma vez compartilhar muitas informações sobre o estado dos sistemas e da fase final de jogo de Diablo IV. Eu sou Joe Piepiora, Líder de Design de Sistemas, e hoje vou compartilhar alguns detalhes sobre dois importantes recursos de Diablo IV: atualizações de itens e nossos planos para o sistema de Excelência.

Afixos de avanço de nível de habilidades

Em Diablo IV, teremos a volta dos afixos de avanço de nível de habilidades. Ao investirem pontos em habilidades, os jogadores ganham mais potência, e encontrar itens com avanço de nível de habilidades pode acelerar esse processo. Como bônus, ao equipar um item com um afixo de avanço de nível de habilidade para uma habilidade que ainda não foi aprendida, os jogadores terão acesso a essa nova habilidade. É uma ótima maneira de testar novas habilidades antes de poder investir nelas. Ter a sorte de conseguir uma habilidade que gostaria para sua build dez níveis antes do acesso normal é um grande bônus!

Itens lendários e únicos

Como Joe Shely discutiu na atualização de dezembro de 2020, os itens lendários e únicos continuam uma parte essencial da experiência de caça a itens de Diablo. Fizemos uma mudança fundamental nos itens lendários em Diablo IV, permitindo que poderes lendários apareçam em vários espaços de item. Agora, ao buscar um poder lendário, como Artes Marciais, que aperfeiçoa a habilidade de chute do Bárbaro, é possível encontrá-lo em anéis, peitorais ou capacetes. Não é mais necessário caçar um tipo de item específico.

Mas a verdadeira pergunta é: o que acontece quando você encontra um poder em um machado que queria que estivesse em um anel? Ou quando encontra um ótimo amuleto lendário, mas não pode usar o poder? É aí que apresentamos nosso novo amigo, o Ocultista.

O Ocultista é capaz de extrair um poder lendário de itens lendários, cristalizando-o como Essência e destruindo o item no processo. Essa Essência pode ser implantada em outro item lendário, substituindo o poder presente no item naquele momento. O material de Essência também pode ser armazenado para uso posterior.

Itens únicos não podem ser modificados dessa forma, mantendo as características de fantasia intactas e, como o nome diz, únicas.

Caça a itens

Santuário é um mundo vasto, repleto de trilhas abandonadas por florestas infestadas de lobisomens, campos secos cheios de canibais e cemitérios sufocados pela névoa com mortos inquietos. Há muitos inimigos e monstros para os heróis encontrarem. Cada um desses monstros parece gostar de coletar determinados tipos de itens e terão mais chance de largar esses itens do que outros. Os bandidos gostam de maças, bestas e botas, mas caso você esteja em busca de novas calças, seria melhor matar alguns afogados.

Em discussões passadas, recebemos feedback de que é desanimador tanto do poder do personagem depender dos itens equipados. Personalizar e planejar um personagem é menos recompensador se isso não tiver um grande papel no desempenho dele em combate. Entendemos o recado e, em Diablo IV, focamos mais no poder do personagem que é conquistado por todas as pequenas decisões que você toma enquanto sobe de nível e explora o mundo de Santuário. Embora não falaremos de tudo que planejamos para o poder dos personagens hoje, estou animado de falar sobre um recurso específico, o Quadro de Excelência.

O Quadro de Excelência

Em Diablo IV, colocamos forte ênfase na personalização de builds para garantir que você tenha muito controle sobre a progressão. O Quadro de Excelência desbloqueia para cada classe no nível 50 e é um resultado desse foco. Seu herói começa a jornada pelo sistema de Excelência no bloco inicial central do quadro introdutório da classe, e, a partir daí, você faz seleções que definirão o caminho. Quando o herói chegar a um bloco de portão, você escolherá o novo quadro de Excelência que deseja conectar a ele. O resultado desejado é um conjunto personalizado de bônus que fortalecerá o herói e honrará sua dedicação à progressão dele, permanecendo divertido de ajustar ao longo de muitos jogos.

A imagem abaixo tem muitas informações, então vou explicar alguns dos aspectos que estamos vendo.

O Quadro de Excelência contém muitos blocos fixos. À medida que ganha experiência, o Bárbaro ganha pontos de Excelência, que são usados para desbloquear um bloco conectado. Existem algumas variedades de blocos que quero abordar.

Blocos normais

Esses blocos são simples, fornecendo um bônus de atributo pequeno, mas significativo. Os blocos normais são conectores e podem ser encontrados em todo o quadro, sendo bastante comuns.

Blocos mágicos

Os blocos mágicos são encontrados em grupos por todo o quadro e fornecem um conjunto potente e mais diversificado de benefícios. Como você pode imaginar, eles são menos comuns do que os blocos normais, mas ainda aparecem muito.

Blocos raros

Os blocos raros oferecem bônus significativos de poder. Ao entrar no Quadro de Excelência pela primeira vez, esses blocos são um ótimo objetivo para os jogadores, especialmente depois que você já ajustou a build para objetivos específicos. Blocos raros têm poderes adicionais que são desbloqueados quando um herói aumenta um atributo até o nível necessário, exigindo algumas escolhas no seu caminho pelo quadro.

Bloco lendário

Após o primeiro Quadro de Excelência, cada novo quadro tem um único bloco lendário que pode ser encontrado no centro. Os blocos lendários concedem um novo poder lendário ao personagem que o obtém.

Glifos e engastes

Um engaste é um bloco especial que pode conter um glifo. Glifos são itens encontrados em Santuário que, ao serem colocados em um Quadro de Excelência, concedem vários benefícios de acordo com o número de blocos ativos no raio dele.

Também é possível aumentar o nível dos glifos ao se aventurar em algumas masmorras particularmente perigosas. Aumentar o nível de um glifo amplia o raio de efeito dele, permitindo que extraiam ou transmitam poder para ainda mais blocos ativos.

Blocos de portão e seleção de quadro

Há um único bloco de portão em cada canto do Quadro de Excelência. À medida que avança pelo Quadro de Excelência, você acabará chegando a um bloco de portão, que ao ser desbloqueado permitirá a seleção de um novo Quadro de Excelência para conectar ao quadro existente. Cada um desses quadros tem configurações de bloco únicas, novos blocos mágicos e raros e um novo bloco lendário no centro.

O Quadro de Excelência é estendido a partir desses blocos de portão. Ao selecionar na lista do Quadro de Excelência, você poderá posicionar o quadro e conectá-lo ao bloco de portão desbloqueado. Também é possível girar o novo quadro.

Estamos trabalhando muito nesse e em outros recursos sobre os quais falaremos mais em futuras atualizações. Mas por enquanto isso é tudo da parte da equipe de sistemas. Obrigado por ler, e não deixe de compartilhar seu feedback nas redes sociais, no Reddit ou nos nossos fóruns! A gente se vê no Inferno!


EFEITOS VISUAIS EM DIABLO IV

Obrigado por lerem! Meu nome é Daniel Briggs, e sou o Artista Líder de Efeitos Visuais de Diablo IV. A equipe de efeitos visuais contribui para recursos em todo o jogo, mas hoje vamos focar no trabalho que fazemos no combate. Os artistas de efeitos visuais colaboram com os designers e outras equipes de arte para criar fortes identidades temáticas para as classes de heróis e dar vida aos monstros, visando oferecer o combate visceral que os jogadores esperam.

Os efeitos visuais são uma parte essencial da experiência de combate de todos os jogos da série Diablo. Com Diablo IV, queríamos aumentar a fidelidade dos efeitos usando a renderização baseada em física (PBR), além de melhorar os pilares básicos da jogabilidade: ampla personalização de heróis, itens e clareza do combate.

Efeitos visuais – Filosofia

Cada efeito desempenha um papel na composição final do jogo. É importante entender o contexto de um efeito e como ele melhora a experiência.

Um dos nossos valores essenciais na Blizzard Entertainment é a “jogabilidade em primeiro lugar”, e isso guia muitas das decisões artísticas que tomamos ao desenvolver efeitos visuais para o jogo. A jogabilidade momento a momento é o ponto principal na composição de Diablo IV: ela precisa chamar sua atenção. Para conseguir isso, precisamos considerar coisas como habilidades, indicadores de ataque dos monstros, armadilhas, áreas de dano e estados de personagem. Os efeitos visuais de cada um desses componentes devem ser claros em todas as áreas e condições de iluminação para que você possa entender rapidamente o que está acontecendo e usar essas informações para tomar decisões fundamentadas.

No caos do combate, é preciso ser inteligente. Ver um item lendário ser largado é empolgante, mas pegá-lo não é tão importante quanto reagir ao ataque de um monstro que pode matar personagens Hardcore com um único golpe! Nosso objetivo é equilibrar os indicadores primários, secundários e terciários para ajudar você a entender o que está acontecendo. Para isso, reservamos os efeitos visuais fortes para habilidades poderosas, como as supremas, enquanto as habilidades mais fracas se misturam com o plano de fundo. Cada classe tem habilidades que vão de nível baixo a alto em termos de custo, recargas e poder. De forma correspondente, as classes têm uma faixa de intensidade visual que aumenta com o poder da habilidade.

Melhorias no combate

Para aprimorar a sensação do combate, fizemos várias melhorias na forma como o dano é aplicado no jogo. Em jogos anteriores da série Diablo, uma habilidade de área de efeito ou corpo a corpo resultaria em uma única área de dano aplicada em um único quadro. Graças aos nossos engenheiros de jogo, agora podemos animar áreas-alvo (o que chamamos de cargas) em vários quadros, o que nos permite alinhar as áreas-alvo animadas com os efeitos visuais animados.

Por exemplo, Redemoinho em Diablo III tem um formato de cilindro em volta do Bárbaro que aplica dano a cada dois quadros a uma taxa baseada na sua velocidade de ataque. Em Diablo IV, Redemoinho tem um formato de pizza animado junto com o personagem. As áreas de efeito ampliam com o tempo, e os golpes corpo a corpo correspondem ao movimento da arma. Áreas-alvo animadas melhoram a precisão da forma como aplicamos dano em Diablo IV, tornando o combate mais impactante e os monstros mais viscerais. Cargas animadas também adicionam um aspecto sutil de sincronização a uma variedade de habilidades.

Além disso, reformulamos a maneira como aplicamos efeitos de acertos em monstros para que os impactos fluam com a direção de um feitiço ou ataque corpo a corpo. Usamos dados definidos na animação e na área-alvo animada para encontrar o local mais preciso para acertar um monstro e onde aplicar uma força de física direcional ao modelo. Em resumo, se você acertar um caprino no joelho, o sangue jorrará do joelho. A força de física aplicada ao joelho do caprino o faria voar como se você chutasse as pernas dele.

Efeitos visuais – Lançando e recebendo luz

Em Diablo IV, usamos um modelo de iluminação de renderização baseada em física (PBR, na sigla em inglês), que torna realista a aparência e a reação à luz dos nossos materiais. Essa abordagem traz enormes melhorias na renderização, mas isso pode não corresponder ao que o jogador espera para as habilidades de classe e monstros. Por exemplo, pense em como é uma fogueira em plena luz do dia. Bem sem graça, certo? Em seguida, imagine como seria uma nuvem de poeira ou de fumaça na calada da noite. Seria quase impossível de ver. Para compensar isso, desenvolvemos uma engine e uma biblioteca de sombreadores que nos permite violar conjuntos de regras da PBR de formas artísticas. Isso garante que os momentos de jogo importantes sejam visualmente intensos, mantendo elementos imersivos totalmente em PBR para que possam reagir à luz de forma realista.

Jogos anteriores da série Diablo usavam principalmente partículas “apagadas”, o que significa que não eram afetadas pela iluminação do ambiente. Essas partículas oferecem um controle incrível sobre o visual da arte: o que você desenha é o que você terá. A desvantagem das partículas apagadas é que a arte pode parecer muito clara em uma masmorra escura, ou os esquemas de cores dos efeitos visuais podem não parecer coesos em todos os ambientes.

Em Diablo IV, usamos efeitos visuais iluminados que se misturam à iluminação do ambiente, criando uma experiência mais imersiva. Usando Redemoinho como exemplo (visto no vídeo acima), em plena luz do dia, a lâmina reflete a luz do sol. Em uma masmorra escura, ela refletirá fontes de luz mais sutis, como tochas. A poeira levantada pela habilidade também é iluminada pelo ambiente, então ela se mistura artisticamente com o mundo.

Se dependermos somente da iluminação do ambiente e seguirmos as verdadeiras regras da PBR, a clareza do jogo será prejudicada, especialmente em ambientes escuros onde o golpe de uma arma seria naturalmente difícil de ver. Para compensar isso, muitos efeitos visuais têm emissividade para lançar luz no ambiente. Várias habilidades supremas do jogo permitem até que você mude o clima e a iluminação do ambiente por um período limitado. Buscamos um equilíbrio saudável entre clareza da jogabilidade e imersão temática.

Habilidades de jogador dinâmicas

No fim das contas, o visual da arte não importa se a jogabilidade não for divertida. Um dos objetivos ao criar habilidades de jogador é garantir que a equipe de design de sistemas tenha uma variedade de modificadores que podem utilizar para criar árvores de habilidades, mecânicas de classe, itens lendários e Quadros de Excelência significativos.

As escolhas devem afetar mais do que os atributos do personagem. Quando estamos satisfeitos com uma habilidade de classe, a equipe de efeitos visuais adiciona a possibilidade de os desenvolvedores alterarem dinamicamente o tamanho, a intensidade e a duração da habilidade. A intensidade visual de uma habilidade aumenta à medida que você acumula aprimoramentos e itens que aumentam o poder dessa habilidade.

Além de todos esses modificadores de habilidade, criamos variantes que mudam completamente a funcionalidade de uma habilidade ou o tipo de dano que ela causa. Essas variantes de habilidade também podem ser alteradas por modificadores de escala, intensidade e duração. Isso permite que as variantes de habilidades sejam afetadas por uma gama mais ampla de agrupamentos de modificadores lendários. Suas decisões da árvore de habilidades ou Excelência, em conjunto com os itens que você equipou, tornarão o visual e a jogabilidade do personagem diferentes de outros personagens da mesma classe.

Cada uma dessas variações é feita à mão por um artista para garantir que a arte funcione em todos os tamanhos e intensidades possíveis. Não dimensionamos uniformemente cada parte de um efeito ao alterar o tamanho e a intensidade. Modificamos coisas como taxa de geração, velocidade, emissividade e faixa de cores para garantir que a arte ainda combine com o mundo de Diablo.

Queremos que o visual do personagem também fique incrível! Nossos itens são criados de uma forma que nos permite aplicar facilmente bônus de armas a qualquer arma do jogo. Seus itens lendários não só farão coisas incríveis, mas também deixarão o visual do personagem fantástico. Veja um exemplo de como aplicamos o mesmo bônus de fogo e veneno a várias armas do jogo.

Mortes baseadas em habilidades

Santuário é um mundo sombrio repleto de monstros horripilantes que fazem coisas terríveis. Para sobreviver nesse cenário desolador, é preciso ser impiedoso com os inimigos. Estamos trazendo de volta um recurso popular de Diablo III: as mortes causadas por habilidades. Esse sistema permite que você decapite, parta em dois, congele, despedace, eviscere e queime os inimigos, só para dar alguns exemplos.

Graças ao nosso novo fluxo de PBR, podemos tornar o sangue e as vísceras ainda mais realistas ao fazer com que reajam à iluminação do ambiente de forma adequada. Cada monstro é construído com uma estrutura esquelética e muscular usada para matá-los de formas brutais. Se o personagem estiver no meio do combate, ele ficará coberto de respingos de sangue de monstros próximos. Com o tempo, a armadura do personagem ficará impecável novamente.

Maga estuda a arte da magia elemental. Ela reduz a velocidade dos inimigos com frio antes de congelá-los e despedaçá-los. Atinge os inimigos com rajadas elétricas impressionantes, fazendo os corpos estourarem e chiarem. Os inimigos desabam e queimam até os ossos quando a Maga os envolve em chamas.

Alguns exemplos de tipos de morte que a Maga pode acionar:

  • Congelar/Despedaçar – Destrua monstros congelados em pedaços
  • Carbonizar – Queime o cadáver de um monstro com eletricidade
  • Queimar – Queime a carne do monstro, deixando os restos de um esqueleto carbonizado

Bárbaro orgulha-se de suas capacidades físicas. Suas armas fazem que seja letal no combate corpo a corpo. Com o poder da linhagem ancestral, o Bárbaro esmaga os inimigos ou os arremessa pelo campo de batalha. A força bruta está à altura da velocidade e da ferocidade quando ele libera sua fúria no campo de batalha, desmembrando tudo que estiver no caminho.

Alguns exemplos de tipos de morte que o Bárbaro pode acionar:

  • Esmagar – Esmague um monstro com um objeto pesado
  • Decapitar – Remova a cabeça de um monstro
  • Cortar em dois – Legal 🙂
  • Quebrar membros inferiores – A parte inferior do corpo do monstro é despedaçada, partindo várias juntas

Renegada é ágil e ataca de forma metódica. Os monstros muitas vezes não percebem a presença dela até que seja tarde demais. Uma punhalada precisa com uma adaga ou uma flecha bem posicionada é o suficiente para derrubar a maioria dos monstros. A Renegada encontra o momento mais oportuno para lutar e imbui armas para ganhar uma vantagem. A magia das sombras pode ser uma excelente distração, mas os clones de sombras são tão mortíferos quanto as lâminas dela.

Alguns exemplos de tipos de morte que a Renegada pode acionar:

  • Eviscerar – Arranque as entranhas do monstro
  • Sombras – A energia das sombras consome a vida da carne do monstro
  • Congelar/Despedaçar – Destrua monstros congelados em pedaços
  • Veneno – A pele do monstro derrete, deixando uma pilha de músculos e ossos
  • Esfolar – Esfole a pele de um inimigo, deixando a estrutura muscular intacta

Druida está em comunhão com a magia da natureza. É capaz de conjurar tempestades e invocar raios contra os inimigos. Ele controla o campo de batalha com rajadas de vento enquanto seus companheiros animais arrancam a carne dos monstros. Os Druidas manipulam a terra com a magia da natureza, moldando-a como querem e golpeando os inimigos de longe. À medida que se aproximam, os inimigos veem o poder inato do Druida, que muda de forma facilmente entre um ágil lobisomem e um enorme urso.

Alguns exemplos de tipos de morte que o Druida pode acionar:

  • Atropelamento – O monstro é esmagado por um objeto em movimento, deixando uma mancha de sangue no chão
  • Devorar – A carne do monstro é devorada por um enxame que morde com ferocidade
  • Explosão elétrica – Raios fazem o corpo do monstro explodir em pedaços
  • Dilacerar – A pele do monstro é completamente dilacerada, deixando-o coberto de sangue

Isto é tudo que temos para compartilhar com vocês hoje. Trabalhar nessa franquia tem sido um sonho e foi ótimo poder compartilhar um pouco do nosso processo de desenvolvimento com a comunidade.

Obrigado por lerem nossa última publicação de atualização trimestral de 2021. Espero que tenham achado empolgante e interessante. Estamos sempre atentos ao feedback da comunidade para tornar Diablo IV o jogo sombrio que todos queremos jogar. Continue compartilhando suas opiniões e seu feedback nas redes sociais, no Reddit e nos nossos fóruns!