PUBLICIDADE

Após a confirmação de que teremos uma série de TV sobre The Last of Us desenvolvida pela HBO, todos os fãs ficaram empolgados com o que pode ser criado. Algo importante em algumas adaptações é manter a essência do material de origem e parece que isso acontecerá com o show em questão.

Desde o anúncio oficial da adaptação, o produtor da série, Craig Mazin, tem dado algumas informações no twitter e em outros veículos de impressa. Ao ser questionado por um fã sobre não mudar a sexualidade de Ellie na série e manter na personagem o que a representa, Mazin foi direto em responder que ele dá sua palavra que isso não irá acontecer.

A sexualidade de Ellie é mais aprofundada da DLC Left Behind do jogo original. O próprio desenvolvimento da personagem será expandido na sequência que chega ainda esse ano, The Last of Us Part II.

PUBLICIDADE