GameplayNotíciasPlayStation 4Vídeos

Novos detalhes da jogabilidade, história e arte de Diablo IV

Após o anúncio de Diablo IV, a Blizzard fez um painel detalhando ainda mais o jogo.

O título acontece décadas após os eventos de Diablo III e a humanidade sofreu uma enorme devastação. O céu também teve grandes perdas, fazendo com que fechassem seus portões e deixassem a humanidade por conta própria.

Nessa situação desesperadora, Lilith retorna. Sendo ela a filha de Mephisto, seu retorno é visto como um presságio de um perigo ainda maior. Com o céu completamente fechado, não existe ninguém ouvindo os pedidos de ajuda da humanidade.

Em relação à jogabilidade, Diablo IV mantém a estrutura clássica da série juntamente de uma campanha não linear e uma ambientação mais sombria. O mundo aberto será dividido em cinco regiões, cada uma com um bioma único, e conta com centenas de calabouços para serem explorados, sistema de clima e um ciclo de dia e noite.

Hoje foram reveladas três classes (Bárbaro, Feiticeiro e Druida), no entanto, o jogo contará com cinco classes quando for lançado.

No momento, o desenvolvimento para PC, PS4 e Xbox One está progredindo simultaneamente. É possível ver um resumo disso no vídeo abaixo:

O jogo terá uma ambientação mais sombria e será fiel ao legado da série. Isso afeta todos os aspectos de Diablo IV.

De acordo com os desenvolvedores, o mundo aberto será imersivo contando com uma atmosfera de apocalipse medieval nunca visto antes. O mundo traz uma sensação similar à Diablo II onde, algumas vezes, o mal vence. Essa sensação está presente na jogabilidade, mundo e história.

Em relação as classes, é possível ver nas imagens a tela de seleção de personagens da demo presente na Blizzcon. O Bárbaro conta com um sistema de Arsenal que possui quatro espaços para armas e permite aos jogadores utilizarem armas de uma e duas mãos simultaneamente. É possível atrelar itens a determinadas habilidades e o Bárbaro irá automaticamente mudar para a arma necessária quando utilizar a habilidade.

O Druida não fazia parte das classes iniciais até que um artista desenhou um conceito inicial e convenceu o time a incluir a classe. Magias de fogo não combinavam com a natureza de um Druida, portanto, foram substituídas por magias de tempestade e terra. Animais ainda estão presentes no jogo e com a mecânica de “shapeshifting” (troca de forma, em tradução livre), o jogador pode atrelar uma forma à uma habilidade e o jogo irá transformá-lo automaticamente durante a execução do ataque.

A feiticeira, por sua vez, é capaz de fazer uma “carnificina elemental” com suas magias de fogo e gelo.

O jogo permite um alto nível de customização, fazendo com que jogadores possam criar os personagens de seus sonhos. É possível, por exemplo, customizar cabelo, pele, cicatrizes, jóias, tatuagens e muito mais. A customização também permite que o jogador desenvolva seu personagem por meio de árvores de talentos, ranks de habilidade e palavras mágicas.

O mundo aberto permite que jogadores explorem conteúdo opcional a seu próprio ritmo. Caso prefira, também é possível avançar apenas na história principal. Vilas e cidades são pontos, onde é possível encontrar outros jogadores e receber missões. O jogo recomenda que jogadores tentem enfrentar seus chefes em grupo do que sozinho como pode ser visto no vídeo abaixo:

Dito isso, é possível completar Diablo IV sozinho e existem zonas dedicadas para o PvP.

Montarias estão presentes no jogo e é possível modificar armaduras, selas e troféus, sendo que estas afetam os status da montaria como velocidade, resistência a dano e mais. As classes também tem habilidades que podem ser usadas junto das montarias.

Os calabouços, assim como demais jogos da série, ainda são gerados aleatoriamente e são bastante escuras. Será possível ir ao inferno, porém só a arte do local foi mostrada hoje.

Em relação aos itens e equipamentos obtidos, o time de desenvolvimento percebeu que havia uma ênfase muito grande em conjuntos em Diablo III, portanto, para Diablo IV eles optaram em focar mais em itens e equipamentos lendários como forma de incentivar variedade na construção dos personagens. Conjuntos ainda estarão presentes, mas não serão dominantes como eram.

Por último, o diretor do título afirma que o mesmo não deve sair tão cedo, mesmo para os padrões da produtora. O site oficial do título deve receber atualizações trimestrais sobre o desenvolvimento