De acordo com o site Kotaku, um trio de notáveis ​​hackers de console acaba de lançar um novo exploit de kernel pronto para rodar para o PS4 e PS4 Pro que funciona na versão de firmware 9.00 e anteriores. Em outras palavras, rodar apps homebrew e cópias não autorizadas de jogos tornou-se viável para um grupo muito significativo de proprietários de PS4.

O jailbreak, apelidado de “pOOBs4”, é creditado aos ​​hackers / desenvolvedores da cena PlayStation: SpecterDev, ChendoChap e Znullptr, com agradecimentos dados a Sleirsgoevy por seu exploit de navegador de webkit, TheFloW, por descobrir o bug real do sistema de arquivos que permite esta façanha para funcionar. O jailbreak requer acesso à rede e uma chave USB com um arquivo especial. Depois de executado, o console fica livre para receber arquivos de PC.

O exploit do kernel utilizado deve funcionar no PS5 também. No entanto, uma versão PS5 ainda não foi criada, em parte devido ao desenvolvedor líder ainda não ter um PS5.

‘pOOBs4’ não é a primeira vez que hackers ganham a capacidade de executar código arbitrário no PlayStation 4, mas é definitivamente o mais notável porque exploits anteriores exigiam versões de firmware mais antigas que a maioria das pessoas já havia deixado para trás.

Em contraste, o firmware agora explorável da versão 9.00 da Sony acabou de ser lançado em 15 de setembro. Porém, o firmware 9.03 foi lançado recentemente e já impede desse jailbreak ser instalado – até os hackers conseguirem alcançar a Sony novamente.