A Game Informer publicou uma matéria que explica o destino de Bully 2 (via PlayStation LifeStyle), título que sempre teve rumores pela internet mas que nunca foi anunciado oficialmente pela Rockstar.

Bully 2 estava em desenvolvimento na Rockstar New England, que era conhecida como Mad Doc Software antes de sua aquisição. Pelo menos 6 a 8 horas eram jogáveis, mas a Rockstar tinha outros planos e continuou tirando os desenvolvedores do projeto para oferecer suporte a jogos como Max Payne 3 e Red Dead Redemption na época. De acordo com dois ex-desenvolvedores que pediram anonimato por medo de repercussões, uma vez que a Rockstar tirou as pessoas de Bully 2, eles nunca mais voltariam ao projeto.

“Havia muito foco no personagem, em sistemas muito profundos, ver até onde poderíamos levar isso e colocá-lo ao lado de um GTA”, disse um desenvolvedor à Game Informer. O mapa de Bully 2 deveria ter aproximadamente “três vezes” o tamanho do original e o escopo era muito ambicioso. Por exemplo, a Rockstar queria que os jogadores pudessem entrar em cada prédio, o que é uma tarefa monumental em termos de desenvolvimento.

Então, a Rockstar queria adicionar um sistema de I.A. que estabeleceria uma nova referência na indústria na época. O sistema de I.A. tornaria as ações dos jogadores mais significativas, garantindo que os personagens não jogáveis (NPCs) se lembrassem das ações de Jimmy, e haveria consequências para o bom e mau comportamento.

“Queríamos muito ter certeza de que as pessoas se lembrassem do que você fez, então, se você pregasse uma peça no seu vizinho, elas se lembrariam”, explicou um desenvolvedor. “Que suas ações tinham mais significado além de um raio de 6 metros e as memórias de cinco segundos dos [NPCs] perto de você”.

Partes deste sistema foram posteriormente usadas em Red Dead Redemption II, em que o comportamento de Arthur Morgan está ligado à sua honra. “A maneira como você interage com outros personagens no mundo, mais do que apenas com sua arma ou punho, eles têm algum senso de memória – muitas dessas coisas [foram originadas no Bully 2]”, acrescentou o desenvolvedor.