De acordo com o site Eurogamer, o Call of Duty deste ano retornará à Segunda Guerra Mundial, de acordo com novos relatórios em parte verificados pelo site.

A fonte, chamada de Modern Warzone, relatou que o novo Call of Duty está em desenvolvimento na Sledgehammer Games, desenvolvedora de Call of Duty: WW2 de 2017, e deve ser lançado no final de 2021.

Modern Warzone também relata que este jogo tem o codinome Call of Duty WW2: Vanguard e relata que o nome pode ser alterado no futuro. Embora este possa realmente ser o caso, o Eurogamer entende que o plano atual da Activision é manter o subtítulo Vanguard para a versão final.

Modern Warzone diz também que “o jogo inteiro ocorre em uma linha do tempo alternativa onde 1945 não foi o fim da Segunda Guerra Mundial” e se passa na década de 1950. O site Eurogamer entende que esse detalhe não está certo e que Vanguard tem um cenário tradicional da Segunda Guerra Mundial.

Não se tem detalhes se esse novo jogo seria incoporado a Call of Duty: Warzone. Resta aguardar por mais informações oficiais vindas da Activision.