Quando Terra-Média: Sombras de Mordor foi lançado no começo da geração passada, o seu principal diferencial foi o excelente sistema chamado “Nemesis System”. À época, muita gente esperava que outras desenvolvedoras tentassem copiar a ideia criada pela Monolith, graças ao seu potencial para histórias mais ricas ao longo da aventura.

Mas, salvo por uma versão menos expansiva desse sistema visto através dos Mercenários presentes em Assassin’s Creed Odyssey, nenhum jogo chegou muito perto do que é visto em Sombras de Mordor/da Guerra. Agora, a razão para isso parece ter sido revelada.

O canal do YouTube Game Maker’s Toolkit postou um novo vídeo ontem explorando o funcionamento do Nemesis System e como ele cria as suas histórias. Em meio ao vídeo, foi revelado que o sistema criado pela Monolith foi patenteado pela WB Games, como pode ser visto através deste documento disponível online.

Assim, é bem provável que a razão para esse sistema não ter sido copiado seja bem simples: outras desenvolvedoras estão evitando implementar algo parecido por medo de eventuais sanções legais que a WB possa buscar contra elas.

Talvez o mais surpreendente é que, mesmo com rumores tendo aparecido online há anos, outros jogos da WB Games não tenham utilizado essa patente em seu benefício. Assim, salvo caso a Monolith resolva usá-los em seus próximos jogos, é pouco provável que vejamos algo tão bem implementado quanto o visto nos jogos da série da Terra-Média.