YouTuber xLetalis descobriu o que se acredita ser um dos últimos easter eggs escondidos em The Witcher 3: Wild Hunt, após quase 7 anos desde o seu lançamento. E é no mínimo curioso que o easter egg exige que se passem 7 anos in-game também.

Na expansão Blood and Wine, há uma missão que gira em torno de Vivienne. Ela foi amaldiçoada a ter uma aparência de pássaro antes de nascer e Geralt é encarregado de ajudá-la a acabar com a maldição. Uma das maneiras de acabar com a maldição é dar a Vivienne apenas sete anos para viver uma vida normal. Os jogadores que escolherem essa opção e acabarem avançando rapidamente nos próximos sete anos encontrarão o corpo sem vida de Vivienne no quarto de Yennefer no Porto de Kaer Trolde.

O principal designer de missões da CD Projekt RED, Philipp Weber, disse ao site IGN que não tem certeza se esse é o segredo final de The Witcher 3. “Não tenho certeza se é o último segredo, mas com certeza está bem próximo”, disse ele. “Todo mundo escondeu tantos detalhes durante os últimos meses de desenvolvimento que as pessoas provavelmente ainda encontrarão algo novo um dia. Com certeza esse é o easter egg que mais escondi de todos os que fiz, então é bastante impressionante que finalmente tenha sido encontrado”.