God of War: Ragnarok

A Santa Monica Studio explicou que nunca cogitou um destino diferente para Kratos em God of War: Ragnarok.

Ou seja, de acordo com o diretor Eric Williams em uma entrevista com o The Washington Post, a equipe nunca considerou matá-lo em God of War: Ragnarok. Kratos permanecer vivo era parte integrante da história que o estúdio queria contar.

Quando Atreus (Loki) encontra Angrboda em God of War: Ragnarok, a dupla discute uma profecia que sugere que Kratos morrerá e Atreus servirá ao vilão Odin. É uma parte importante da história que influencia diretamente os eventos posteriores, e alguns fãs se perguntam se a Santa Monica Studio considerou seguir nessa direção. No entanto, Williams disse ao The Washington Post que esse nunca foi o caso.

“Ah, não, não consideramos matar Kratos por vários motivos”, disse ele. “A história que queríamos contar era a ideia dessa unidade pai-filho se unindo e se tornando forte o suficiente para que eles se conhecessem e soubessem que se tornaram melhores e que, se você os separasse, você ainda sentiria que eles ficariam bem”.

No final, Atreus acaba encontrando seu próprio caminho, mas não devido à morte de Kratos.

cassino online Netbet