AnálisesPS3

Under Night In-Birth Exe:Late

Análise

NOME: Under Night In-Birth Exe:Late
FABRICANTE: French Bread
PLATAFORMA: ps3
GENERO: Luta
DISTRIBUIDORA: Aksys Games


LANÇAMENTOS
27/02/2015 27/02/2015 24/07/2014


INFORMAÇÕES ADICIONAIS E SUPORTE
Resolução Máxima: 1080p

N°. Maximo de Jogadores: 1-2

Troféus (Inclusive Platina)

DLC

Espaço Necessário: 2146 MB

Disponível na PlayStation Store


Existem muitos jogos de luta atualmente e todos eles procuram chamar a atenção dos jogadores, sejam com seus visuais, mecânicas de jogo ou história. É um cenário cada vez mais competitivo e são poucos os que se sobressaem nele. Under Night In-Birth é um dos títulos que provavelmente irá passar despercebido pela grande maioria dos jogadores. Isso é uma pena, pois é um ótimo jogo de luta.

UNIEL (uma das abreviações do título) é um jogo rápido e que recompensa agressividade. Sua principal mecânica está no Grind Grid, uma barra localizada na parte de baixo da tela que, dependendo das ações dos jogadores, pode aumentar ou diminuir para um dos lados. A cada período de 17 segundos, o jogador que possuir a maior barra no Grind Grid entra no estado Vorpal, que aumenta seu dano e possibilita mais combos.

Grind Grid e o Vorpal são as mecânicas mais interessantes no título, pois agem como um cabo de guerra entre os jogadores, já que suas vantagens são expressivas e podem levar à vitória. É bastante comum jogadores avançarem nos últimos momentos para conseguir conquistar os bônus do Vorpal, o que leva a partidas bastante frenéticas.

Outro ponto forte de UNIEL são seus personagens, em que mesmo o principal, que possui os ataques mais básicos, tem alguns diferenciais que o torna interessante de ser jogado. Vários personagens também possuem mecânicas exclusivas como, por exemplo, Yuzuriha, que pode entrar em uma instância especial e soltar até três ataques extremamente rápidos. Devido aos seus aspectos únicos, alguns personagens são particularmente complicados de se jogar e pode levar um tempo até que as pessoas se adaptem e encontrem seu estilo de jogo.

E isso me leva ao maior defeito de UNIEL: não ter um tutorial explicando suas mecânicas e muito menos desafios para ensinar combos básicos aos jogadores. Isso, com certeza, irá afastar iniciantes no gênero e pessoas com pouca paciência, fora que os mais dedicados provavelmente irão recorrer ao manual do jogo, vídeos online e ao modo treino.                

 UNIEL possui vários modos para testar suas habilidades, como Score Attack, Time Attack, modo Arcade, etc., porém o mais importante e bem sucedido é seu modo online. Joguei cerca de 20 partidas e todas foram ótimas. Houve lag? Sim; como todo jogo, é possível notar alguns poucos frames de lag, porém não houve variações ou travas durante a luta. É possivelmente um dos melhores códigos online que já vi e isso vai ajudar e muito na vida útil do título.

 

Veredito

UNIEL é possivelmente mais um jogo de luta obscuro que será melhor aproveitado por aqueles que realmente se dedicarem ao mesmo. Suas mecânicas são interessantes e incentivam partidas rápidas e frenéticas. Seus personagens são únicos e conseguem se destacar no meio de tantos outros jogos de luta no mercado. E, principalmente, o código online é ótimo e realmente permite que uma comunidade se desenvolva e jogue constantemente durante meses e anos. Espero que você, caro leitor, dê uma chance a esse título e que nos enfrentemos online qualquer dia desses.

 

Jogo analisado com cópia fornecida pela Aksys Games.

 

85%