AnálisesDLCPS4

Análise – Rage 2 – Rise of the Ghosts

Análise

NOME: Rage 2 – Rise of the Ghosts
FABRICANTE: Avalanche Studios
PLATAFORMA: ps4
GENERO: Tiro em Primeira Pessoa
DISTRIBUIDORA: Bethesda Softworks


LANÇAMENTOS
26/09/2019 26/09/2019 26/09/2019


INFORMAÇÕES ADICIONAIS E SUPORTE
Resolução Máxima: 1080p
Troféus
Nº de Jogadores: 1
Dublagem PT-BR: Sim
Legendas PT-BR: Sim


A Ascenção dos Fantasmas traz para Rage 2 uma nova história que se passa na ilha de Matópolis, uma nova região adicionada ao jogo. A trama básica do DLC envolve uma Ranger que realizou experimentos humanos utilizando a Feltrita e, os sobreviventes desses experimentos, tornaram-se soldados da facção dos Fantasmas que atacam as pessoas comuns da ilha. O DLC ainda conta com uma nova arma e um novo poder e cabe ao Ranger Walker utilizar de todo seu arsenal para simplesmente eliminar todos os Fantasmas.

Assim como o jogo base, o DLC opta por focar em quantidade do que qualidade de seu conteúdo. A nova ilha tem dezenas de missões e novas localidades, no entanto, as missões são entrar em um local e matar a todos, destruir tanques de feltrita ou sobreviver dentro de uma localidade por algum tempo. Algumas missões, literalmente, envolvem ir até um local e apertar um botão.

A nova facção, os Fantasmas, é completamente composta por inimigos humanos com diferentes armas, sendo que, mesmo assim, têm pouca variedade. Sua maior diferença está na armadura utilizada e alguns padrões de ataque. Mesmo o jogo alertando para uma dificuldade maior na região, eles não são balanceados bem o suficiente para serem uma ameaça real ao jogador.

Veredito

O DLC Ascenção dos Fantasmas, portanto, oferece uma experiência extremamente similar ao jogo base sem trazer nada que faça o DLC se destacar por sua qualidade. É uma boa recomendação para aqueles que adoraram o jogo base e querem mais conteúdo.

Conteúdo analisado com código fornecido pela Bethesda.

60%