AnálisesPS4

Análise – Chocobo’s Mystery Dungeon: Every Buddy!

Análise

NOME: Chocobo's Mystery Dungeon: Every Buddy!
FABRICANTE: Square Enix
PLATAFORMA: ps4
GENERO: RPG
DISTRIBUIDORA: Square Enix


LANÇAMENTOS
20/03/2019 20/03/2019 20/03/2019


INFORMAÇÕES ADICIONAIS E SUPORTE
Resolução Máxima: 1080p
Troféus (inclusive Platina)
Nº de Jogadores: 1-2
Espaço Necessário: 1,61 GB
Dublagem PT-BR: Não
Legendas PT-BR: Não


Chocobo está de volta! Na companhia de Cid e Shirma, ajude um vilarejo a retomar as lembranças esquecidas após um sino misterioso tocar diariamente e descobrir o paradeiro da Joia Mágica.

O mascote mais querido dos games já foi astro de vários jogos em diversas plataformas e no dia 20 de março foi lançado mais um para PlayStation 4 e Nintendo Switch. Chocobo’s Mystery Dungeon: Every Buddy!, no entanto, é um remaster de Final Fantasy Fables: Chocobo’s Dungeon (Wii).

Chocobo’s Mystery Dungeon Every Buddy

O jogo inicia com a cena de uma reviravolta: Chocobo e Cid são caça-tesouros e estão em busca de uma joia poderosa. Ao cair em mãos erradas, ela puxa ambos para um buraco negro. A dupla é teleportada então para a singela cidade de LostTime (Tempo Perdido), que estranhamente tem um sino que toca diariamente e faz com que os cidadãos percam suas memórias. O próprio prefeito da cidade faz a recepção e indica que é até melhor perder as lembranças e viver um dia novo a cada badalada.

Surge, então, a doce Shirma, uma garota que mora em uma fazenda próxima e que acha um absurdo perder suas lembranças. Ela recomenda que Chocobo mantenha-se longe do sino e pede para acompanhá-la na zona rural. Então, acontece algo inesperado na cidade e você descobre uma maneira de voltar as memórias das pessoas: Rafaello. Um bebê de cabelos verdes, que mal consegue falar, que caiu dos céus em um ovo. Quem já jogou Chocobo’s Dungeon vai reconhecer fácil a trama: Rafaello desconhece seus poderes e sua identidade, ajuda a todos e depois descobre quem realmente é e do que é capaz. Ao entrar em contato com um cidadão desprovido de suas lembranças, uma dungeon é criada. O objetivo de Chocobo é entrar nela, encontrar as memórias, sair e devolver as lembranças e seu bem-estar.

As dungeons são peculiares: possuem uma variedade de andares, monstros, itens desconhecidos (é necessário outro item para descobrir a função, além de itens amaldiçoados se usados sem precaução), acessórios para o Chocobo, além de armadilhas visíveis e invisíveis. As dungeons são inconstantes e mudam a estrutura, localização da saída, atalhos, posição de monstros e itens cada vez que é feita. É um jogo de sorte: a mesma dungeon pode ser prática e rápida, ou custosa e perigosa. Uma vez completada, encontre Rafaello no final e devolva as memórias ao pobre indivíduo.

Chocobo’s Mystery Dungeon Every Buddy

Chocobo possui HP, SP para ataques especiais, status de ataque e defesa que aumentam conforme os acessórios equipados e o nível. Também tem um índice de fome: se chegar em 0, pode debilitar pontos de HP e até levar à morte. O jogo vira uma questão de resistência e administração de recursos limitadíssimos. Ao longo de sua jornada, descobrirá as classes de Final Fantasy: Knight, Black Mage, Thief… E poderá escolher uma para seu Chocobo. Como dica nossa, leve sempre um companheiro nas dungeons. Pode ser um NPC desbloqueado, Cid, ou ainda os monstros, uma vez que são derrotados. Você pode consultar a lista de companheiros e desbloqueios no menu. Se preferir, há um modo multiplayer, no qual o companheiro pode ser definido online. O esquema de combate é por turnos rápidos e cabe a você escolher se ataca com Chocobo, companheiro, ou usa itens especiais. No início, é quase impossível fugir de um embate, principalmente se acabar ficando entre a parede da dungeon e o monstro.

No centro da cidade há um banco, onde é possível depositar dinheiro e itens. É primordial visitá-lo antes de cada dungeon, pois se morrer nela, perderá tudo que carrega. Há outros NPCs variados que ao longo do jogo liberam mais missões. Nas extremidades de LostTime, há um NPC de Loja, o prédio do prefeito e uma Igreja. Nela, você pode refazer todas as dungeons já finalizadas e completar novas, além de visualizar todas as que restam. É lá que você poderá levar itens amaldiçoados para serem benzidos.

Chocobo’s Mystery Dungeon Every Buddy

Ande pelo mapa, aproveite as mecânicas de interação com o Chocobo e desbrave áreas várias e várias vezes, para desbloquear novas missões e itens curiosos, além de aumentar seu nível. Quando estiver bem preparado, uma cuscene vai liberar a Dungeon da Guardiã do Fogo, com o summon da Fênix no final. Você pode também encontrar por acaso o summon do Ifrit, escondido em uma armadilha, que pode também levá-lo para a Loja de itens e poções.

O gráfico é simples para o PS4, mas as cutscenes são delicadas. Como o Chocobo tem uma variedade de classes e companheiros, fiquei chateada por não vê-los nas cenas. Além disso, o mascote emplumado não fala, apenas “Kweh”, certo? Mas a variação desse “pio” é tão pequena, mas tão pequena, que jogar por algumas horas seguidas pode ser chato, visto que o Chocobo dialoga bastante. Posso estar sendo chata? Sim, mas como joguei empolgadíssima por horas a fio, com bons fones, passava os diálogos rapidamente. Falando em diálogos, boa parte deles são com vozes.

Já os mapas são bem repetitivos, no entanto algumas dungeons têm regras específicas para quebrar a monotonia. No mais, o jogo não é um clássico, é voltado para um público já conhecido que está acostumado com a rotina de turnos, gráfico simples e falta de dinamismo na história.

Chocobo’s Mystery Dungeon Every Buddy

O jogo segue com o objetivo de voltar as memórias das pessoas, descobrir mais sobre Rafaello e ajudar Shirma e amigos a voltarem a ter uma vida normal. Isso sem contar que é preciso descobrir um meio de voltar à caça aos tesouros e recuperar a joia, que foi roubada por Irma e Volg. Com várias dungeons ao longo do caminho, ainda é possível encontrar Leviathan, Shiva, Skullhammer, Dark Chocobo, Behemoth, Cryshale, e claro, o super herói Dungeon Hero X, o moogle mais valente!

Veredito

Chocobo é de longe o mascote mais querido dos games e é muito divertido jogar exclusivamente com ele. Senti falta de mais qualidade visual em Chocobo’s Mystery Dungeon: Every Buddy!, ainda mais em plataformas que permitem um desempenho gráfico melhor. Em função disso, o jogo segue uma estrutura simples, com mapas e história repetitivos. No entanto, é uma boa oportunidade para passar o tempo.

Jogo analisado no PS4 padrão com código fornecido pela Square Enix.

80%