The Gap – Review

O quão longe você seria capaz de ir por aqueles que ama? Arriscaria sua mente e sanidade, talvez? Essa é a premissa de The Gap, um walking simulator narrativo e o primeiro game da desenvolvedora Label This e publicado pela Crunching Koalas.

The Gap nos coloca na pele do Doutor Joshua Hayes que, para tentar salvar sua família de uma doença que destrói as memórias, decide participar de um programa experimental que visa utilizar nanobots neurocognitivos para ajudar na cura de doenças que afetam a memória.

The Gap

Dizer algo além disso poderia estragar a experiência do game, uma vez que seu grande trunfo está em descobrir mais a respeito da trama enquanto exploramos as lembranças de Joshua. É aqui que o game nos introduz à mecânica de visitar diferentes lugares e memórias que fizeram parte do passado de Joshua através de dejá-vus. Para isso precisamos encontrar objetos que desencadeiem tais recordações. Revirar cada canto dos cenários acaba sendo essencial para encontramos não só apenas as lembranças, mas também informações e pistas que serão usadas para desencadear outras memórias. É um ciclo natural e que, dada a maneira como a história é contada, nos motiva a cada vez mais querer saber e entender sobre o drama de Joshua e sua família.

The Gap é um jogo curto, com uma campanha totalizando em torno de 6 horas para sua conclusão e conta com finais diferentes que dependem da escolha do jogador. A história, que inicialmente pode parecer confusa, vai ganhando novas camadas e deixando o jogador cada vez mais curioso com seu desfecho. É uma trama tão interessante, ainda mais para os apreciadores de temas sci-fi, que em diversos momentos será normal se emocionar, questionar as atitudes de Joshua e torcer por um final feliz.

The Gap

Visto que se trata de um walking simulator narrativo, The Gap conta com cenários lindos e minimalistas, mas ao mesmo tempo cheios de vida, nos fazendo enxergar como aquelas pessoas se comportam. Eles são relativamente pequenos, ideais para nossa busca pelos objetos mencionados no começo desta análise. Para aqueles que forem jogar The Gap, aconselho que o faça com fones de ouvido, pois até mesmo sua trilha sonora é minimalista sendo um pequeno som de fundo quase imperceptível, mas que vai escalando e se mostrando presente nos momentos ideias, sejam eles de tensão ou alegria.

Por se tratar de um game com pequenos puzzles em que a exploração é um fator chave para progredir, The Gap poderia ter um sistema bem simplificado de dicas. Vale ressaltar que seu progresso ocorre de uma maneira muito natural e sem grandes problemas, mas cheguei a travar em um ponto onde não encontrava o item que desencadearia uma lembrança necessária para progredir na história. Em outro momento, ao parar para ler o texto presente em um livro, o mesmo parou de indicar que havia uma lembrança ali – os indicativos ficam por conta de uma animação na tela e a vibração do controle.

The Gap

The Gap é o primeiro game da Label This e o estúdio faz um excelente trabalho ao entregar um game com uma narrativa interessante, envolta de mistérios, mas que ao mesmo tempo nos mostra um problema real e a todo momento nos instiga a acompanhar a trajetória de um homem capaz de tudo por aqueles que ama. A localização para nosso idioma contribui ainda mais para que fiquemos completamente mergulhados na história. Um game que pode facilmente estar ao lado de excelentes títulos como Call of the Sea e Tacoma, entregando tudo aquilo que fãs do gênero buscam e permitindo criar boas teorias com seus possíveis finais.

Jogo analisado no PS5 com código fornecido pela Crunching Koalas.

cassino online Netbet

Veredito

The Gap nos convida a acompanhar a trajetória de Joshua em busca de uma cura para uma doença que atinge sua família. Explorando suas lembranças e encontrando pistas que desencadearão ainda mais memórias, esse “walking simulator narrativo” entrega uma história intrigante, envolvente e emocionante. Com uma duração ideal, The Gap nos proporciona uma excelente experiência no mesmo nível de títulos como Tacoma e Call of the Sea.

85

The Gap

Fabricante: Label This

Plataforma: PS4 / PS5

Gênero: Adventure Narrativo

Distribuidora: Crunching Koalas

Lançamento: 19/10/2023

Dublado: Não

Legendado: Sim

Troféus: Sim (inclusive Platina)

Comprar na

Veredict

The Gap invites us to follow Joshua’s journey in search of a cure for an illness that affects his family. Exploring his memories and finding clues that will trigger even more memories, this “narrative walking simulator” delivers an intriguing, engaging and exciting story. With an ideal duration, The Gap provides us with an excellent experience on the same level as titles like Tacoma and Call of the Sea.