A Sony Interactive Entertainment aumentou os pedidos iniciais de produção para o PlayStation 5 das cerca de seis milhões de unidades planejadas anteriormente para cerca de nove milhões de unidades, de acordo com a Nikkei, que por sua vez cita “fontes familiarizadas com o assunto”.

Em abril, a Bloomberg relatou uma perspectiva de produção para o PlayStation 5 de cinco a seis milhões de unidades até março de 2021. Agora, o site corrobora o relatório da Nikkei de aumento de pedidos de produção, observando a intenção de produzir até 10 milhões de unidades até o final de 2020, que afirma ser uma resposta ao aumento da demanda provocada pelapandemia de COVID-19.

O site em inglês da Bloomberg fornece alguns detalhes adicionais:

  • Mesmo com um impulso na fabricação, a Sony ainda pode não conseguir colocar unidades suficientes nas prateleiras das lojas durante a temporada de férias devido às restrições de envio.
  • A Sony havia informado anteriormente aos fornecedores que exigiria 10 milhões de unidades do controle DualSense, mas agora está aumentando esse número para corresponder às novas perspectivas de produção do console.
  • A produção em massa do PlayStation 5 começou em junho. A Sony espera montar cinco milhões de unidades até o final de setembro e outras cinco milhões entre outubro e dezembro.