Ao divulgar os resultados obtidos até o terceiro trimestre de seu atual ano fiscal – que termina em 31 de março -, a Capcom revelou que as vendas de Resident Evil 6 estão abaixo do esperado.

“Apesar de quebrar recordes de vendas quando foi lançado, [Resident Evil 6] foi perdendo esse momento, resultando em falha para alcançar os números planejados e cumprir seu objetivo de servir como aquele que iria liderar a expansão das vendas”, explicou a Capcom.

Até o final do terceiro trimestre do atual ano fiscal da produtora, que foi encerrado em 31 de dezembro de 2012, Resident Evil 6 havia ultrapassado a marca de 4,8 milhões de cópias enviadas às lojas. No início de outubro, a Capcom havia despachado 4,5 milhões de unidades.

Em contrapartida, Dragon’s Dogma teve um bom momento durante o período, ultrapassando a marca de um milhão de cópias vendidas e superando as expectativas da empresa.

DmC: Devil May Cry, porém, também teve uma diminuição nas unidades que a Capcom esperava vender. A Capcom enviou 1 milhão de unidades para as lojas em janeiro e esperava enviar 2 milhões até o dia 31 de março. Esse último número caiu para 1,2 milhão.

As vendas da companhia foram 44,6% maiores se comparadas aos mesmos nove meses de 2011, e os lucros aumentaram quase 105% (6,645 milhões de ienes, aproximadamente US$ 70 mil).