Um adolescente hacker que ajudou a derrubar a PSN e a Xbox Live no Natal do ano passado, foi condenado e possui mais de 50.700 acusações relacionadas a crimes cibernéticos, de acordo com o jornal finlandês Kaleva.

Apesar desse número elevado, a justiça finlandesa deu a Julius "zeekill" Kivimaki, de 17 anos, apenas uma sentença de suspensão de dois anos – ou seja, ele não irá para a prisão.

O ataque na PSN e Xbox Live deixou os dois sistemas fora do ar devido a sobrecarregamento com ataques DDoS. Donos de PS3, PS4 e Vita não conseguiam se logar ou criar contas na rede.

Você pode ver no vídeo abaixo uma entrevista da Sky News com Kivimaki. Ele disse que o ataque foi feito para "chamar a atenção" da segurança baixa dos computadores da Sony e da Microsoft.

Apesar de um de seus membros ter sido condenado, o Lizard Squad continua confiante no Twitter. Em resposta às pessoas que acham que eles "apodrecerão" na cadeia, foi dito: "precisam compreender o que nós falamos desde o início". "Nós temos passes livres", finaliza.