Child of Light foi revelado em agosto pela Ubisoft, mas os detalhes eram relativamente escassos (clique aqui para conferir a notícia original).

Child of Light é um tributo aos JRPGs e estrela a personagem Aurora. Ela é uma fada e princesa, filha de um duque da Áustria. Aurora se encontra em uma terra misteriosa chamada Lemura e encontra a companhia de uma pequena chama com o nome de Igniculus. A Black Queen roubou o Sol, a Lua e as estrelas. Será a jornada de Aurora derrotar a Black Queen e restaurar o reino de Lemuria.

Child of Light é construído com a mesma engine de Rayman Origins e Rayman Legends: a UbiArt Framework. O jogo terá uma variedade de puzzles e, como os clássicos JRPGs, terá muitos diálogos com os personagens e com quem acompanha Aurora. Os diálogos são escritos em rima – uma característica única.

Quando Aurora entra em batalha, é mostrada rapidamenta a arena antes de vermos a heroína e seus adversários. O jogo é baseado em um sistema de batalha por turnos, com uma barra ditando a ordem dos turnos de cada personagem na tela. A barra é dividida em duas seções: uma longa e azul com a seção "espere" e outra curta e vermelha com a seção "cast" ("lance"). Cada personagem é representado por um pequeno ícone que percorre essa barra e se preparam para realizar suas ações.

A chave para o sucesso no jogo é usar seus ataques nas horas precisas. Atacar um inimigo que está na barra vermelha fará ele interromper seu ataque, enviando-o para o início dela. Quando Aurora e seus amigos possuem sua rodada, o tempo é congelado e um menu aparece com diferentes opções como atacar, usar magias, usar itens e outros conhecidos em JRPGs.

Complementando esse sistema por turnos há o fato de que as magias elementais devem ser usadas contra inimigos específicos, fornecendo dano extra a eles.

Aurora, no entanto, não estará sozinha nos combates. Igniculus pode ajudá-la diminuindo a velocidade dos inimigos enquanto eles carregam o ataque, adicionando um elemento de estratégia ao título. Igniculus, inclusive, pode ser controlado por um segundo jogador, fornecendo um modo cooperativo opcional ao jogo.