Shuhei Yoshida, presidente da Sony Worldwide Studios, comentou sobre The Last Guardian em entrevista dizendo para que os jogadores não percam as esperanças.

Em entrevista ao site GamesIndustry, o executivo disse que o novo projeto do diretor Fumito Ueda não está paralisado, e sim ainda em desenvolvimento – mas que está sendo re-trabalhado por uma equipe interna.

“Estamos esperando pela oportunidade certa para re-introduzir The Last Guardian de um jeito apropriado”, disse Yoshida. Ele ainda garante que Ueda continua no projeto, mesmo não sendo mais empregado da Sony, e que a equipe atual é pequena porque está trabalhando apenas no aspecto de engenharia do jogo.

Em outras oportunidades, Yoshida e Ueda já haviam dito que estavam esperando o momento certo para falar de The Last Guardian novamente, e que atualmente o game não é prioridade dentro da Sony. Mas o pedaço interessante dessa nova declaração é que o game está sendo re-feito no nível da engenharia – o que dá a entender que é possível que ele esteja deixando de ser um jogo de PlayStation 3 e sendo migrado para o PlayStation 4.

Inclusive, quando perguntado qual plataforma o jogo deverá ser lançado, Yoshida disse que “ahh… isso, eu não posso falar a respeito”.