NotíciasPlayStation

Senador dos EUA faz projeto de lei para banir as Loot Boxes e microtransações pay-to-win nos videogames

O senador Josh Hawley dos EUA anunciou hoje um projeto de lei que baniria as loot boxes e microtransações “pay-to-win” (pague para vencer) em games que podem ser aproveitados por menores de idade (abaixo de 18 anos).

O projeto “The Protecting Children from Abusive Games Act” será apresentado ao Senado dos EUA em breve. Em materiais oferecidos à imprensa, Hawley menciona Candy Crush e Fortnite como exemplos. Hawley acredita que desenvolvedores que exploram crianças devem encarar consequências legais.

Em resposta, a Entertainment Software Association disse que vários países da Europa determinaram que loot boxes não consistem em apostas. O órgão oferecerá as ferramentas e informações que a indústria oferece sobre o assunto e mostrará ao político que os pais possuem a habilidade de evitar que os seus filhos gastem dinheiro com os jogos.