Tales of Berseria e Tales of Zestiria se passam no mesmo mundo, de acordo com a última edição da Famitsu. Porém, a diferença é que Tales of Berseria acontecerá num passado distante.

O ambiente de Tales of Berseria é conhecido como “Wasteland” (deserto). O continente no meio do mundo é o que acaba se tornando Glenwood, visto em Zestiria.

Apesar de se passar no mesmo mundo, o passado é completamente diferente do futuro. Os nomes dos lugares serão outros e a natureza também. Mas haverá lugares familiares.

A Famitsu também possui detalhes do sistema de batalha. Ao entrar em uma, a transição será de forma suave como em Tales of Zestiria, com controles melhorados, assim como um melhor campo de visão.

Palavras-chaves foram dadas também pela revista:

  • Goma Disease – uma doença que transforma humanos em monstros. Os que são afetados se tornam violentos, mas há pessoas que conseguem manter a razão;
  • Goma – coisas que transformam humanos em monstros. Animais podem ser, por exemplo, Goma que carregam a doença;
  • Seirei – uma raça que lida com artes que usam o poder da natureza. A maioria não é auto-consciente e são usados como parceiros pelos humanos. Seu aliado Laphicet é desta raça;
  • Scarlet Night – a noite da lua escarlate. É dito que possui algum tipo de conexão à Goma Disease;

Apesar dos detalhes serem escassos, três itens – uma bússola, pente e maçã – possuem conexões profundas à história e aos personagens de Tales of Berseria.

Finalmente, é dito que os designers de personagens de Zestiria retornarão para o novo jogo: Mutsumi Inomata, Kosuke Fujishima, Daigo Okumura e Minoru Iwamoto.

Tales of Berseria será lançado em 2016 para PS4, PS3 e PC no Japão. No Ocidente, a versão de PS3 não será lançada e o jogo não está previsto ainda para 2016 – pode chegar somente em 2017.