A Sony Computer Entertainment está segurando exibir novas informações de The Last Guardian de propósito, segundo o presidente da Sony Worldwide Studios, Shuhei Yoshida. Mais precisamente para evitar entregar a história demais.

“O desenvolvimento está indo bem, mas por causa de sua história, nós não queremos mostrar demais”, disse Yoshida ao site GameSpot. “Queremos mostrar que ele existe e que funciona. Não é como se não vamos mostrar mais nada até o lançamento, mas eu acho que temos que limitar o que vamos divulgar sobre o jogo”, comenta.

Com sorte, alguma novidade será dada durante a PlayStation Experience em dezembro.