NotíciasPlayStation 4

Electronic Arts divulga relatório financeiro; perfomance de Anthem, Apex Legends e mais

A Electronic Arts divulgou seu relatório financeiro para o ano fiscal que terminou em março de 2019. De uma maneira geral, a companhia teve um aumento nas vendas, mas o lucro teve um declínio.

Segundo o relatório, teve um aumento de 5% das vendas físicas e digitais combinadas para o trimestre de janeiro, fevereiro e março. Nesse período, tivemos os lançamentos de Anthem, Apex Legends e o modo Battle Royale de Battlefield V (Firestorm).

Mais de 45 milhões de jogadores únicos aproveitaram FIFA 18 e FIFA 19 no último ano, sendo que The Sims 4 teve um aumento de 35% em seus jogadores ativos.

Apex Legends é o novo jogo com crescimento mais rápido da EA (mais de 50 milhões de jogadores), sendo que 30% nunca jogaram um game da companhia antes. Há um foco em continuar o suporte com novo conteúdo, como novas lendas. Além disso, há também planos de trazer o jogo para a China e celulares. Apesar do sucesso de um jogo gratuito e a EA comentar que pretende investir em mais jogos assim, ainda existirão games de 60 dólares.

O lançamento de Anthem não atingiu as expectativas da EA. Os jogadores aproveitaram mais de 150 milhões de horas combinadas desde o lançamento. A BioWare está focada em oferecer novos conteúdos e consertos. Já o Firestorm de Battlefield V foi o maior evento de serviço ao vivo da história da série.

Ainda de acordo com o relatório, 49% das vendas da EA no PS4 e Xbox One foram digitais nos últimos 12 meses. Anthem teve a maior parte de suas vendas em formato digital.

O oferecimento da EA Access no PS4 será um grande benefício para a companhia. No momento, há 3,5 milhões de assinantes no Xbox One e PC.

Por fim, em relação ao PlayStation 5 e a próxima geração, a EA já está adaptando suas engines para a chegada dos consoles e planeja oferecer jogos maiores com serviços e experiências online. Também espera mudar estratégias de marketing e de lançamento de jogos (por exemplo, como foi com Apex Legends).