AnálisesDLCPS4

Gravação Proibida Vol. 2 (Resident Evil 7 biohazard)

Análise

NOME: Não disponivel
FABRICANTE: Não disponivel
PLATAFORMA: ps4
GENERO: Não disponivel
DISTRIBUIDORA: Não disponivel


LANÇAMENTOS
Não disponivel Não disponivel Não disponivel


INFORMAÇÕES ADICIONAIS E SUPORTE
Não disponivel


O DLC Gravação Proibida Vol. 2, assim como o Vol. 1, adiciona três novos modos a Resident Evil 7 biohazard. Ou seja, os dois DLCs juntos oferecem uma variedade de modos que o jogo base necessitava.

No caso do Vol. 2, temos novamente duas fitas VHS e um modo extra com uma proposta diferente. Porém, ao contrário do DLC anterior, todos os conteúdos adicionados merecem ser conferidos.

O primeiro conteúdo do DLC é a fita VHS Filhas. Não há muitos puzzles aqui, porém, há dois finais distintos (um deles não sendo tão óbvio de se conseguir), o que aumenta o replay. Mas, de longe, o que torna tudo interessante é a história contada: ao jogar, você ficará sabendo o que exatamente aconteceu com a família Baker.

Controlando a filha Zoe, você terá que ajudar a sua família que acabou de encontrar duas garotas a poucos metros da mansão. Vale a pena conferir, mesmo você sabendo (se jogou a campanha) o que acontecerá no fim.

A outra parte do DLC também é uma fita VHS e, novamente, controlamos o cinegrafista Clancy. Desta vez, ele está preso em um dos joguinhos sádicos de Lucas. Você deve jogar 21 com uma pessoa encapuzada. Se perder? Perde os seus dedos. Ou a vida.

O que torna essa DLC interessante é que é basicamente um jogo de 21, o que por si só já é bacana. Em outras palavras, peça cartas e tente chegar em 21 ou próximo disso, com um número maior que o seu oponente – se estourar, e o seu adversário não, você perde. Se ambos estourarem, o que estiver mais perto de 21 ganha. No entanto, conforme você avança no DLC, cartas que modificam o jogo aparecem e causam reviravoltas. É um modo dinâmico e, apesar do terror que deveria passar, você vai se interessar mais pelo jogo em si do que sentir medo ou tensão.

Ao terminar a história dessa parte do DLC, outros dois níveis de dificuldade surgem, com oponentes mais desafiadores e inclusive sem o "blábláblá" de Lucas.

Por fim, o terceiro conteúdo é o mais gostoso de se jogar, além de ser inovador. Chamado de Aniversário de 55 Anos de Jack, é um modo que busca um lado de comédia e sátira do que terror. Você é Mia e precisa alimentar Jack. Para isso, colete diferentes tipos de alimentos espalhados pelo cenário e entregue a ele. Conforme alimenta, uma barra sobe, e quando estiver cheia o modo termina.

Mas pegar os alimentos não é fácil: Mofados estão em seu caminho e seu inventário é limitado (atente-se também ao fato de que é possível misturar temperos com comidas, fazendo a barra subir mais que o normal). Você pode pegar praticamente qualquer arma no baú no início, mas precisa deixar espaço para a comida, obviamente. Matar Mofados faz o tempo de contagem regressiva ficar parado por alguns instantes. O que define seu rank no desafio é o tempo que restou no fim da partida.

O modo contém uma variedade de estágios (não sendo, portanto, como Ethan Deve Morrer do Vol. 1, em que só havia um mapa e um objetivo) e, como dito, tenta ser engraçado. Por exemplo, Jack, que está vestido como se estivesse em uma festa de criança, come feito um esfomeado; o cenário está todo decorado com itens de festas e até os Mofados possuem chapéus.

Ainda não é um Mercenaries, mas é um modo diferente e bem divertido. Infelizmente, da mesma forma que o modo Ethan Deve Morrer do DLC anterior, Aniversário de 55 Anos de Jack não pode ser jogado com o PlayStation VR.


 

Veredito

Gravação Proibida Vol. 2 é um DLC superior ao Vol. 1, com conteúdos que merecem ser conferidos: um que explica em detalhes o prólogo da história, outro que permite jogar 21 de uma maneira única e um terceiro que oferece um modo inovador, desafiador, variado e viciante. É difícil citar problemas, pois até o que expande a história possui dois finais aumentando seu replay. Porém, o preço é mais elevado quando comparado ao DLC anterior.

DLC analisado com código fornecido pela Capcom.


 

90%